segunda-feira, 21 de julho de 2008



não há lutas.

não há batalhas ou guerras.

nossos heróis dormem sob o confortável

assoalho de nossos medos.

Um comentário:

Jean Errado disse...

finalmente um blog! "De meu não quero mais que meu desejo, nem mais de vós do que ver tão lindo gesto" hhehehehhehe